segunda-feira, 24 de abril de 2006

Instinto Selvagem?!?!

Assim como a Clara McFly do Garotas que dizem Ni, eu sou uma obsecada em Animal Planet. Aliás, assisto há muito tempo. Tempo suficiente pra já saber o comportamento de muitos animais, o que eles comem, como reagem, como vivem, o que gostam, por onde andam, etc. – falei que eu deveria ter feito veterinária. rsssss

Enfim, ontem, cheguei em casa por volta das 23:00hs e liguei a TV no Animal Planet. Estava começando “Elas na Selva”: são mulheres que trabalham em pesquisas na África e de sol a sol. O tema era sobre leões.

Até aí tranqüilo, sempre assisto a série “Grandes Felinos” (Big Cats), que conta a longa jornada da vida de bandos de leões, leopardos e guepardos.
Mas o mais curioso foi que ela começou a falar que existia uma lenda misteriosa nas savanas: uma leoa chamada Kamunyak tinha adotado um filhote de orix (uma espécie de antílope). Como assim Bial????

Pois sim, Kamunyak adotou um filhote de orix. Pequenino. Tinha apenas algumas semanas de vida. E ele não tinha medo dela. Alías, ele nem deve ter aprendido o que era um leão quando a mesma a adotou. E o mais intrigante é que Kamunyak não tinha o instinto de atacá-lo, nem mesmo agarrá-lo e devorá-lo. Ela era uma mãe. Dedicada. Pra onde o orix ia, Kamunyak ia atrás. Literalmente.

Os dias foram passando e Kamunyak não comia, não se alimentava. E o orix, tadinho, não tinha leite para mamar (pesquisadores acham q ele ia mamar em algum orix durante parte do dia em que Kamunyak estava descansando na sombra). Ele já tinha quase 2 meses e estava lá, não tão forte, mas conseguia correr (sobrevivia comendo plantinhas).

Num determinado dia, a Kamunyak resolveu caçar... um orix adulto! (como é a vida não?) Mas não conseguiu pegar. Nessa confusão, o pequenino orix se perdeu, já estava junto de seus parentes, quando a leoa começou a chamar por ele (assim como faria com seu filhote de leão). Desse dia em diante, é que realmente decretaram: ela trata o orix como um filhote de verdade. Mas porque? Simples. Kamunyak era uma leoa afastada de algum grupo de leões. Uma leoa solitária. Jovem. Confusa. Precisou de companhia e adotou um filhote de orix.

Um desastroso dia, Kamunyak se deitou e deixou que o orix caminhasse tranqüilamente por uma estrada, quando um barulho a despertou! Grrrrrrrrr!!! Já era!! Não tinha mais jeito. O leão não foi tão gentil assim. Atacou! Kamunyak ainda tentou alguma reação. Em vão. Perdeu seu pequenino filhote orix.

No ano seguinte, Kamunyak adotou mais 5 filhotes. 2 sobreviveram e 1 voltou para a mãe. Depois disso ela sumiu e nunca mais ninguém a viu.

Agora vejamos: Se até mesmo os leões podem se juntar a sua presa numa linda amizade e compaixão, pq nós seres humanos não deixamos essa merda de briga por terra, petróleo, religião e afins de lado e não acoplamos a PAZ???????

Para verem mais fotos sobre essa história, achei um site que mostra tudo que assisti ontem pelo Animal Planet = http://www.savetheelephants.org/Photo%20Gallery/Miracle%20Lioness/kamunyak2.html

Também podem ver mais no site do Animal Planet.

2 comentários:

*Renata Costa* disse...

Nossa, adorei seu Blog Carolzinha!
Assim como eu dá pra perceber que também adotou o jeito Garota que Diz NI de ser no jeitinho de escrever seus textos. Depois vou te linkar no meu blog (hoje o maledeto não deixa atualizar nada, grumpf)

Beijus
*Rê*

Lulu on the sky disse...

Não conheço a programação do Animal Planet. Mas pelo menos vc me ajudou esclarecer para eu poder te linkar.
Big Beijos